Produtos de beleza, estudos, roupas, cabeleireiro… quanto custa mesmo?!

   

Mulheres Maravilhas

Mulheres Maravilhas

Pessoas do Blogueando, estive divagando a cerca do universo feminino, peguei-me pensando em… quanto custa ser mulher?! Caro, muito caro! Tudo começa com a cobrança que sofremos para sermos bonitas, inteligentes, vaidosas, responsáveis no lar e profissão. Versáteis. A cobrança é tamanha, mas ao mesmo tempo tão comum, que nós mesmas absorvemos no decorrer de nossas vidas. Um desespero total para manter-se “olhável”. 

Delicadeza

Delicadeza

Então vamos começar. Ser mulher é caro porque tem que cuidar da pele, do cabelo – Aii o cabelo -, do rosto, do pé… É tanto creme, tanto produto de beleza, que chega a dar um nó nos olhos quando se entra numa loja de cosméticos. O que levar?!

 

E quando vai ao salão e faz escovas normais ou uma das milhares opções de progressivas, definitivas, hidratação com cremes, óleos, emulsões mils, faz a unha com ou sem desenhos, e até estrangeiras como o tipo francesinha. Tudo isso tem um custo e que não é pouco.

 

A produção de um look feminino não é apenas uma calça ou bermuda, uma blusa maneira e um tênis estiloso, finalizando um gel no cabelo. Mulher precisa de pelo menos dois pares de calçados como opção para um vestido ou

Vastidão de produtos

Vastidão de produtos

 uma calça que pode ser cigarrete, boca-sino, pantalona, depende do momento, do tempo, se chove ou faz sol, wherever.

 

Precisa então de uma blusa, que combine. Se for bem apertado em baixo, dá para soltar mais em cima e vice-versa. Saias, tops, soutiens, calcinhas, absorventes, e uma infinidade de acessórios entre brincos, colares, pulseiras, além de apetrechos para o cabelo. Por falar nele, tem os cremes, para mantê-lo liso, enrolado, frisado, redução de frizz, hummm o terror da mulherada!

 

Sem falar nos hidratantes para pele, nos produtos para limpeza do rosto para evitar as tristes e famigeradas espinhas. Além dos cravos. E ainda tem os acessórios que variam conforme a estação e o ambiente pelo qual a pobre transite. E aí vão os cachecóis, echarpes, lençinhos para o pescoço, brincos de uma orelha só, jóias, bijus ou artesanato, chapéus, tiaras, maquiagens… Ahhhhhhhhhhh!

 

Cada uma dessas coisinhas, que nem são percebidas às vezes pelos namorados, esposos, noivos e pais, são quase que uma obrigação para a mulher. Não existe mulher que não use um batom para sair, não digo ir à escola, faculdade ou trabalho, mas sair para divertir. No mínimo um batom rola né, gente! E nada desses badulaques sai barato. Nós que o digamos. Ao menos as coisas de boa procedência que não vão deixar ninguém com um beiço de nega maluca, ou com a costura da calça fazendo a volta no bunzanfã.

Batonzim é fato!

Batonzim é fato!

 

Moral da história gente, ser mulher é muito caro! Homens e pais não reclamem quando suas mulheres e filhas pedirem uma ajuda extra para ir ao shopping ou salão. Só nós mulheres é que sabemos o quanto para ficar uma Gata!

Miau

Miau

Anúncios